CAPIN das Águas reativa a escola na Fazenda Capoava

A rede de apoio da Porto Rural iniciou a ativação da Comunidade de Aprendizagem Integrativa das Águas com a limpeza do jardim da escola na Fazenda Capoava, em Porto Feliz, com o objetivo de reiniciar as atividades do espaço que hoje está desativado.

O primeiro mutirão foi realizado no final de semana dos dias 09 e 10 de dezembro de 2017, envolvendo a comunidade local e de cidades vizinhas. Além da limpeza do local, foi realizada a limpeza de 3 antigas salas de aula e uma feira de troca de livros e brinquedos utilizando pela primeira vez uma nova moeda local.

A escola abrigará o projeto CAPIN das Águas, ou Centro de Aprendizagem Integrativa das Águas, que pretende ser um local de referência nos estudos das águas e suas diversas relações com a sociedade. Através das trocas de saberes e conhecimentos o grupo pretende cocriar, com pessoas e organizações interessadas, as atividades para o desenvolvimento rural sustentável local, integrando ao dia a dia projetos com perspectivas holísticas.

“Por  que reativar a escola como primeira ação para o desenvolvimento rural resiliente e sustentável localmente? Porque nós acreditamos na escola como elo afetivo e agente de mobilização comunitária”, disse Gabriela Conti, integrante do projeto CAPIN.

O CAPIN das Águas faz parte da Porto Rural (portorural.com.br), uma iniciativa da ONG Caminho das Águas para promover a gestão do patrimônio histórico e ambiental da Colônia Capoava.

As atuais demandas da Comunidade de Aprendizagem Integrativa das Águas são a doação de materiais para a escola (livros, estantes, sofás, computadores, materias de escritório, armários, aparelhos de internet, lâmpadas, etc) e equipamentos para a limpeza e cuidado do espaço (vassouras, enxadas, tintas etc).

Os interessados em colocar a mão na massa entre em contato, serão muito bem recebidos!  Vejam a seguir fotografias da ativação!